Ex-católica blasfema contra a Igreja

Há algum tempo, uma ex-católica deixou no meu blog o seguinte comentário:

Também fui católica, mas um dia que ouvi de uma colega de escola as distorções e as mudanças que a Igreja fez, por interesses simplesmente econômnicos,e que distorceu ela e saiu totalmente dos ensinamentos de Cristo na Bíblia, fiquei de cabelo em pé em ao mesmo tempo muito braba com ela. Isso levou a que no entanto, fosse pesquisar na história e na Bíblia para ver se o que ela falu erar mesmo verdade. Só posse dizer que entende não quer a verdade. Não entende a verdade aquele que fica acreditando nos outros, seja lá quem for, pastor, padre, ministro. A gente tem que estudar a história e a Bíblia para tirar as conclusões, não é ir na conversa dos outros. Essa é a grande verdade, quem escreveu esse texto nesse blogue já fez isso para ficar agredindo as pessoas? Estudar e muito,é a questão e daí: Examinar as escrituras a fundo e Conhecer verdade que está nela e se libertar dos falsos ensinamentos é o fundamental.

https://intribulationepatientes.wordpress.com/2008/07/30/por-que-nao-podemos-deixar-de-denunciar-a-rcc/#comment-148

Não é novidade para nenhum católico que já tenha defendido a Fé Católica dos ataques de protestantes que estes tratam a Igreja como a pior vilã da história. Os “católicos” modernistas e traidores chamam-nos de “irmãos separados”, fazendo vistas grossas ao ódio que a maioria deles têm contra a Igreja. Tanto ódio que eles transformam pessoas que antes eram católicas em verdadeiros inimigos da Igreja, iguais a eles. Exagero meu? De forma alguma. Eu já tive a oportunidade de conversar pessoalmente com pessoas que não somente abandonaram a Igreja, mas que também passaram a nutrir por Ela os piores sentimentos, tudo por obra maldita das seitas pregadoras de difamações. Isso também já não é novidade para ninguém que tenha conhecido um apóstata. Mas este artigo, creio eu, pode ser de interesse pois o comentário da ex-católica foi colocado de forma escrita, dando-no a oportunidade de refletir melhor sobre o efeito nefasto das seitas. Vamos ler as blasfêmias proferidas por uma pessoa já pertenceu à Igreja:

Olha só… não vou voltar para uma igreja mentirosa que mudou os 10 mandamentos. Aliás vc já leu a biblia?
Parece que não. Se tivesse lido saberia que o que está escrito no Exodo 20 é bem diferente do a igreja católica ensina na catequese. Eu estou defendendo a palavra de Deus, dos iminigos que diabólicamente mudaram tudo. Como disse ouviu de uma amiga, mas depois fui procurar a verdade na bíblia que é o que vc deveria fazer. Meu caro, espero realmente que o Espirito Santo de Deus abra seus olhos, os seus ouvidos e o seu coração que é somente o que Jesus quer – o nosso coração.

https://intribulationepatientes.wordpress.com/2008/07/30/por-que-nao-podemos-deixar-de-denunciar-a-rcc/#comment-195

O ódio que essas pessoas, outrora católicas, passam a ter contra a Igreja é algo impressionante. As seitas tiram os filhos dos braços da Igreja e os transformam em verdadeiros inimigos, que não medem palavras para blasfemar contra Ela. E lembrar que, no primeiro comentário, ela havia dito que eu estava agredindo as pessoas. Que enorme inversão de valores! Uma criatura que acusa a Igreja de mudar tudo diabolicamente, vem me acusar de agressão! Este blog busca desmentir os ataques covardes e mentirosos contra a Igreja. Se alguém quiser que não o incomode, pare de atacar a Igreja, de dentro ou de fora dela. Mas enquanto houver agressão à Verdadeira Fé, eu, em pleno direito, vou defendê-la.

As acusações contra a Igreja, tanto no plano histórico como no teológico, são as mais absurdas e infundadas. Mas, devido à falta de formação do povo católico, e ao clima de amizade generalizada criado pelo ecumenismo modernista, os fiéis não percebem o veneno que certos “amigos” vão injetando neles. O clima de festa e de reconciliação do Vaticano II atordoou os fiéis. Afinal, se até para a elaboração da nova missa se pode contar com o auxílio de seis pastores protestantes, porque o povo deveria ser advertido sobre as más intenções das seitas em fazê-las apostatar da Verdadeira Fé? O ecumenismo suicida do Vaticano II não combina nem um pouco com saudáveis advertências aos fiéis sobre os riscos que correm nas mãos da propaganda agressiva das seitas. Se houvesse boa vontade das autoridades eclesiásticas em proteger os fiéis contra as seitas, certamente não haveria a apostasia que se vê hoje em dia. A Verdade Católica é tão evidente que não haveria apostasias se elas fossem ensinadas nas Igrejas. Mas, enquanto ficam restritas a alguns bons sites da internet, a grande parte do rebanho fica largada aos lobos.

Anúncios