São Pio X “descanonizado” pelo Vaticano

Roma perderá a Fé e se tornará a sede do anticristo“. Por que será que existem tantos falsos católicos que não querem aceitar esta profecia de Nossa Senhora de La Salette?

As provas se acumulam dia após dia. É inegável que o Vaticano, há décadas, está tomado por hereges. E é exatamente no site de Internet do Vaticano que encontramos mais uma prova da implacável guerra movida por estes modernistas contra o Catolicismo. São Pio X, o grande papa que condenou o modernismo, não é apresentado como santo. Pelo contrário, os liberais Roncalli e Wojtyla, grandes destruidores da Fé Católica, recentemente “canonizados” por Bergoglio, são apresentados como santos, com direito a todas as datas de “beatificação” e “canonização”.

Hereges “canonizados” e santos “descanonizados”, é isto que a Roma sem fé nos proporciona. Tudo parte do plano de destruição da Igreja, do grande esforço de apagar a memória do que é católico e substituir pelo que é herético, realizado com a cumplicidade de grande número de pessoas que se declaram católicas. Ou alguém seria tolo o bastante para realmente acreditar que seja mero acaso que os apóstatas do atual Vaticano ocultem a santidade exatamente de São Pio X, o santo que condenou toda esta alcateia que invadiu a Igreja?