Bem-vindos

Seja bem-vindo. Este blog é uma iniciativa pessoal e tem a intenção de fazer apologética em defesa da Igreja Católica Apostólica Romana, especialmente contra os inimigos infiltrados – os modernistas – conforme denunciado já por São Pio X há mais de um século.

É importante ressaltar que este blog tem seu foco na apologética, e a grande maioria dos artigos que são encontrados aqui tratam de defender a Igreja de seus inimigos internos e externos. No entanto, jamais podemos esquecer da necessidade da espiritualidade na vida cristã. Ela ocupa um lugar central na vida cristã e, se nós não nos dedicamos a ela no blog, é porque a deixamos para a pregação dos sacerdotes e outras almas leigas mais perfeitas. Este blog pretende apenas ser parte dos espinhos que protegem a rosa, que é a parte mais nobre. Mas, se ficamos aqui com o trabalho pesado das discussões, isto não quer dizer que na vida particular descuidemos da espiritualidade. Jamais um católico o pode fazer.

Conteúdo

Alguns artigos encontrados neste blog fazem referência a outros sites ou blogs e foram publicados a fim de dar destaque a alguns assuntos importantes. Nestes casos, a fonte está indicada. Todos os demais artigos que se encontram publicados, e que não indicam a fonte, foram escritos pelo autor do blog e são unicamente de sua responsabilidade, não representando a opinião de ninguém mais e não tendo a menor pretensão de falar em nome de nenhuma pessoa, instituição e, muito menos, em nome do Magistério da Igreja. Todos artigos de minha autoria podem ser copiados livremente, sem necessidade de pedido prévio, bastando citar a fonte.

Procuramos indicar apenas os bons sites que ensinam a doutrina católica incorrupta, e que não defendem o conciliábulo Vaticano II, a falsa igreja conciliar, os hereges usurpadores, a missa nova ou qualquer “movimento” pós-conciliar.

Há também indicação de sites monarquistas dado que esta é a forma de governo mais perfeita que existe. Outros sites discutem assuntos de interesse geral, como política, economia, dentro de um enfoque coerente com a doutrina católica ou, pelo menos, são boas fontes para reflexões, ainda que não possamos concordar com tudo que apresentam. Acima de tudo, este blog trata principalmente de religião e não de política, e as eventuais críticas que se encontram são voltadas contra doutrinas políticas anti-católicas e prejudiciais ao bem comum, como o nazismo, o comunismo e a democracia liberal, não existindo nenhuma orientação político-partidária.

Objetivos

Embora humildes frente a tantos outros mais doutos e mais capacitados do que nós, temos a pretensão de auxiliar, na medida de nossas capacidades, na defesa da Fé católica, esta Fé tão atacada não somente de fora, mas o que é mais triste – e mais nocivo – de dentro da Igreja. Aqueles que se dizem católicos, mas que defendem ideias incompatíveis com a sua religião, ou mesmo contrárias a ela, são muito mais perigosos do que aqueles que estão de fora. Há mais de cem anos que o papa São Pio X já denunciava publicamente a infiltração de inimigos no interior da Igreja. Esta infiltração não é mais do que um plano das sociedades secretas para destruir a Igreja, conforme  descoberto já no pontificado do papa Pio IX.

Que a Santa Igreja passa por uma crise terrível, a maior de sua história, isto é facilmente compreendido por qualquer pessoa, leiga ou não, de dentro ou de fora dela. As causas desta crise, no entanto, fogem ao conhecimento da absoluta maioria das pessoas. Quem sabe o que é a heresia do Modernismo? Por que existe tanta polêmica a respeito do Vaticano II e da missa nova? Procuramos ajudar um pouco as pessoas a entenderem a questão. Procuramos demonstrar as causas desta apostasia. Fazemos aqui uma análise detalhada dos textos do conciliábulo confrontado-os com os ensinamentos tradicionais da Igreja. Assim, convidamos as pessoas a perceber a grande ruptura e a reagir em defesa da ortodoxia católica.

Pretendemos também expor os erros gravíssimos em que caíram os seguidores da nova teologia. São, infelizmente, uma multidão que não sabe sequer que havia um modo de pensar muito diferente do que hoje se ensina nas igrejas, e mais importante, que essa é a verdadeira doutrina da Igreja. Muitos dos que ensinam o erro hoje em dia, o fazem apenas porque foi isso que lhes ensinaram como sendo a religião correta. Outros, são agentes das sociedades secretas que se fazem passar por hierarcas, mas apenas para enganar e destruir.

Autoridade

Tendo em vista que houve uma grande infiltração modernista e liberal na Igreja Católica, é impossível combater os hereges sem criticar supostas autoridades que se apresentam como católicas mas, na realidade, não passam de modernistas e liberais. As críticas a estes desviados e usurpadores não implica, de nossa parte, nenhum desprezo da verdadeira e legítima autoridade, à qual, como católicos, prezamos imensamente.

Método

É importante esclarecer que não queremos ofender pessoalmente a ninguém, mas tão somente denunciar o erro, a fim de instigar as pessoas a refletirem e a abandonarem as doutrinas e práticas errôneas.

Fazemos isto porque a exposição das ideias, de maneira franca e leal, mesmo que seja discordante das opiniões alheias, não têm a intenção de serem ofensivas. Pelo contrário, é prova de civilização o embate das ideias. E quanto mais honrada a luta, quando é a Verdade da Fé que desejamos defender.

Discussão

Se alguém considerar errado algum posicionamento deste blog, estamos receptivos na esperança de receber argumentos. Se não tiver argumentos para expor, não o faça por meio de ofensas. Nem levante calúnias contra a Igreja Católica. Comentários ofensivos e caluniosos serão ignorados. Quem não souber discutir de maneira civilizada não perca seu tempo.

“Ut in omnibus glorificetur Deus”

E-mail de contato: ritotridentino@hotmail.com

Um comentário em “Bem-vindos

  1. […] Não vou me demorar nesta bobagem que considero uma monumental perda de tempo. O Deus lo Vult! foi acusado de ser “um advogado do diabo”, de fazer algo que “já é diabólico”, de ter “uma desonestidade intelectual assustadora”, de “incoerência e parcialidade”. Tudo bem. Afinal de contas, cada um é obviamente livre para achar o que quiser deste blog que mantenho. Registre-se a opinião do autor cujo nome não está no “About” do Pacientes na Tribulação. […]

Os comentários estão desativados.